chico@chicoamaral.com.br 
Inicio
Galeria | Músicas
Música: Bodas
Data: 2007
Álbum: Singular
Autor(es): Chico Amaral
Álbum: Singular


Ficha Técnica

Voz . Samuel Rosa
Piano . Chico Amaral
Piano elétrico e teclados . Ricardo Fiúza
Guitarra . Giuliano Fernandes
Baixo . Lelo Zanetti
Bateria . Lincoln Cheib
Percussão . Zeca Magrão
Vocais . Pablo Castro e Gustavo “Buchecha”
Cellos . Lui Coimbra e David Chew
Violas . Flávia Mota e renata Ribeiro
Violinos . Ana de Oliveira, Glauco Fernandes e Rogério Rosa
Arranjos de cordas . Chico Amaral

"Uma canção é uma canção é uma canção pop mesmo. Nessa área, como nas demais, é muito difícil acertar. Antes de terminar a composição, ela já me fazia lembrar o Samuel. Ultimamente ele vem buscando, com o Skank, a canção pop sofisticada, como nos Beatles, em Brian Wilson ou em Lô Borges."

Letra

Quando a tarde entardecer
quando o mundo te assutar
e quando o sol cair
lentamente
como um anjo cai

Quando a solidõao voltar
a bater e te acordar
e quando ao seu redor
simpesmente
não houver calor
eu posso te acompamhar ali

ler uma notícia a toa
perguntar sobre seus pais
consultar o tempo
decifrar seus olhos;
ver de novo, ver aquela flor
que cresceu

Quando o sono demorar
a descer em seus lençóis
e quando o sol voltar
lentamente
como mesmo ardor
eu posso te abraçar ali

te mostrar alguma coisa
um desenho/um cartão
ver que na verdade
fomos sempre tudo
fomos tudo aquilo que o
tempo sonhou

Se a noite demorar
a ceder o seu lugar
quando você voltar
lentamente
de um letal torpor
eu quero ainda estar ali.




 






Página Inicial